Três livros fofos para o dia dos namorados

Três livros fofos para o dia dos namorados

“Aquele livro é tão fofo. Dá vontade de sair abraçando os personagens!”.

Você já ouviu isso de alguém que terminou de ler algum livro? Eu já e é exatamente com essa frase que começo a publicação de hoje, para o SNT #2 “O amor está no ar!”, sobre três livros fofos para você ler, se apaixonar e ter essa vontade louca, ao terminar a leitura, de abraçar os personagens.

Mas antes de começar, preciso dizer que os livros são infantojuvenil, ou seja, são livros para adolescentes. Mas antes de qualquer julgamento, preciso ressaltar que são livros ótimos. A leitura de John Green e David Levithan é tão leve, fácil e atrativa, que não tem como você não se envolver com a história. E para quem nunca leu nenhum livro desses dois autores, leia um desses três da lista. Tenho certeza que vai adorar!

 

will will foto mauricio pascoal
Will & Will – John Green e David Levithan

Will & Will (Galera Record, 2013) é um livro sobre amizade, primeiro amor e sobre esses encontros ao acaso que a vida nos proporciona. A história é sobre dois personagens com o mesmo nome e sobrenome que um dia se cruzam, por acidente, e a partir desse encontro tudo muda.

É uma história bem leve e divertida. Dei boas risadas no decorrer do livro!

Se liga só nesse trecho que grifei:

“A verdade, porem? Todo mundo tem uma. Essa é a nossa maldição e nossa benção. Essa é nossa tentativa e nosso erro e nossa coisa certa.” (pag. 348)

garoto encontra garoto - foto mauricio pascoal
Garoto encontra Garoto – David Levithan

Tem coisa melhor do que aquele primeiro amor arrebatador? Garoto encontra Garoto (Galera Record, 2014) é exatamente sobre isso, uma história de um primeiro amor de um garoto por outro garoto. Livro delicado e simples, sobre dois meninos que se apaixonam e vivem essa paixão.

Confesso que fiquei maravilhado com a história e com o autor por ter sido tão delicado e ter passado tanta verdade, de uma forma realista, sem clichês, sobre o amor entre duas pessoas do mesmo sexo.

E para quebrar todos os tabus, o autor nos presenteia com uma personagem maravilhosa, Infinite Darlene, rainha do baile e também o quarterback da escola. (Melhor personagem de todos os tempos e dos livros que li ano passado!).

“A sensação de uma pequena vitória é assim: parece uma pequena surpresa e um monte de alívio. Faz o passado parecer mais leve e o futuro parecer mais leve ainda, mesmo que por um momento. Parece a leveza vencendo. Parece uma possibilidade.”

 

a culpa é das estrelas - foto mauricio pascoal
A culpa é das Estrelas – John Green

Acho que você já deve ter ouvido falar muito desse livro que virou filme e fez o maior sucesso. Talvez você tenha até lido ou visto o filme. Mas para você que nunca leu, por favor, leia agora mesmo A culpa é das Estrelas (Intrínseca, 2012).

Sabe aquele livro que você lê sem expectativas e no decorrer da história você está tão envolvido, tão envolvido, que é inevitável não derramar algumas lágrimas? Com A culpa é das estrelas foi exatamente assim, chorei muito e me emocionei bastante.

Mas por que estou indicando um livro para chorar no dia dos namorados? Calma. É um livro lindo e merece ser lido. A história é um pouco triste, pois é o romance entre dois adolescente com câncer. Mas se você conseguir ver além, perceberá que é um livro sobre vitórias, esperança e como pequenas coisas, pequenos sentimentos e gestos, são as coisas mais importantes na vida.

“Você precisa escolher as causas pelas quais vai lutar nesse mundo, Hazel.” (pag. 129)

carrinho-de-compras Onde comprar:

Will & Will – Submarino / Americanas / Amazon / Livraria Cultura / Saraiva

Garoto encontra Garoto – Submarino / Americanas / Amazon / Livraria Cultura / Saraiva

A culpa é das estrelas – Submarino / Americanas / Amazon / Livraria Cultura / Saraiva

Publicado porMaurício Pascoal

Sou jornalista, styling, CEO no portal Oxique e Trendhunter com foco em moda masculina; e desde os meus 14 anos tenho o costume de escrever cartas que nunca enviarei. Cartas nunca endereçadas sobre amores rasos, romances naufragados, sonhos, projetos, declarações, angústias, histórias que ouvi ou me contaram.


2 Comentários

Deixe um comentário