Leia Brasileiros

7 Posts Volte pro início

7 livros de autores contemporâneos

Uma lista com alguns dos meus livros favoritos de autores contemporâneos. Tem para todos os gostos! 😉

Grande Magia – Vida criativa sem medo, de Elizabeth Gilbert

Elizabeth Gilbert, autora do best seller Comer, rezar e amar, escreveu um livro de autoajuda, Grande Magia – Vida criativa sem medo, que foi lançado no Brasil, em 2015, pela Editora Objetiva. A ideia de Gilbert é refletir sobre criatividade. A autora comenta que fez o livro porque gosta de pensar no assunto e não tem a intenção de salvar a vida de ninguém, mas se no meio do caminho isso acontecer, tudo bem. >> Saiba mais

Os abraços perdidos

Os abraços perdidos é o primeiro romance do escritor João Chiodini publicado em 2015 pela Editora da Casa. João é editor de livros e também autor do livro de contos Delírio Real de um Amor Imaginário.

Em Os abraços perdidos encontramos um drama familiar que vai discutir o tema paternidade, através da história de Pedro e seu pai, Antônio Carlos. O livro intercala dois narradores e dois tempos: Pedro falando sobre sua infância com o pai alcoólatra e agressivo, e o narrador em terceira pessoa contando sobre os dias atuais do personagem principal, que acaba de descobrir que será pai.

Dois irmãos – Milton Hatoum

Muita gente comenta da HQ Dois Irmãos, dos quadrinistas Fábio Moon e Gabriel Bá, que é uma adaptação do livro vencedor do prêmio Jabuti 2001, Dois irmãos, escrito por um dos principais nomes da literatura brasileira contemporânea, Milton Hatoum. Como não tenho o hábito de ler quadrinhos, fui direto na fonte e li o livro. Sem saber de muita coisa, apenas pensando que seria a história de dois irmãos o que já me chama muita atenção porque sou filha única e essa relação sempre me deixa curiosa, apesar de não sentir falta alguma de ter irmãos. 

O que não existe mais – Krishna Monteiro

O que não existe mais é a estreia na literatura do cônsul adjunto do Brasil em Londres, Krishna Monteiro, publicado pela editora Tordesilhas. O livro reúne sete contos e alguns me passaram a impressão de serem experiências de vida do autor ou de pessoas do seu convívio. São eles: O que não existe mais; As encruzilhadas do doutor Rosa; Quando dormires, cantarei; Um âmbito cerrado como um sonho; Monte Castelo; O sudário; e Alma em corpo atravessada.

Tá todo mundo mal – O livro das crises

Uma das mais famosas YouTubers do Brasil, Julia Tolezano, mais conhecida com Jout Jout, lançou um livro. E eu não tenho problema nenhum com livros de YouTubers ainda mais se for de uma das minhas pessoas favoritas no mundo.
O título é bem bacana: Tá todo mundo mal – o livro das crises. E é sobre crises mesmo que Jout Jout vai falar tanto que a maioria ou quase todas suas crônicas, acho que posso classificar seus textos assim, começam com A CRISE DE…
E eu listei 10 crises da Jout Jout que também fazem parte da minha vida. Clica no plaY do vídeo acima para saber quais são e conhecer um pouco mais do livro. 😀

Quarenta dias – Maria Valéria Rezende

Em Quarenta dias, da escritora Maria Valéria Rezende, Alice, paraibana e professora aposentada, está deixando a Paraíba para ir morar em Porto Alegre por causa da filha Norinha que deseja se tornar mãe mas não quer abandonar sua carreira profissional.

Já nesse primeiro contato com a vida de Alice, eu senti uma empatia pela personagem. Por que ela precisa abandonar sua vida, casa e amigos para se tornar apenas avó? A mulher idosa, que já criou os filhos e já “fez de tudo na vida”, agora deve viver a vida dos outros? Para mim isso deve ser uma escolha da mulher e não da família. 

Navigate