Veja todos os posts em Crônica

Leituras da quarentena #1

Quando o mês de abril chegou, eu já tinha aproximadamente 15 dias cumprindo o distanciamento social. Naquele tempo, que parece tão longe, mas foi praticamente ontem, eu nem chamava esse estado de distanciamento social, mas sim de quarentena. E, na verdade, ainda chamo de quarentena, como bem uso no título da crônica. Leia mais

Notas de abril | 2020

Abril foi o mês que completei 30 dias de isolamento social – mais especificamente no dia 18 de abril de 2020. Confesso que tive um leve surto no dia que descobri esse marco. Bateu angústia, tristeza, enxaqueca, medo, uma confusão geral. Em parte, sei que foi devido a TPM, mas também sei que a TPM foi maximizada por causa do estado de isolamento. Mas também foi o mês que consegui voltar a dormir cedo e acordar cedo, ou seja a rotina aqui deu uma boa ajustada. Graças a Deus e o processo de reorganização que fiz quando senti que tudo estava bagunçado demais. Quero hoje destacar alguns pontos interessantes do meu mês com o notas de abril.

Leia mais

E como vai o tempo?

O que é o tempo? Tempo é silêncio ou tempo é barulho? É parte silêncio, parte barulho? É memória ou presente? Bons tempos ou tempos bons – qual o indicativo de tempo? Em tempos de isolamento social, como ocupar o tempo? Quanto tempo o tempo tem?  Leia mais

Má Feminista

O meu desafio pessoal desde quando comecei o mestrado é tentar encaixar na semana um momento para ler ou ver algo que não esteja na lista de tarefas obrigatórias. Pensando nisso, em novembro, assumi um compromisso comigo mesma: ler todo dia no café da manhã. Comecei por Má Feminista – ensaios provocativos de uma ativista desastrosa, da escritora Roxane Gay. Leia mais