Notas da semana 46 de 2022: leituras, séries e mais

Notas da semana é uma série especial de conteúdo em que compartilho alguns acontecimentos e descobertas legais da semana. Vou sempre tentar considerar um período de sexta a sexta e publicar aos sábados. Gosto de conteúdos assim porque me lembram da era de ouro dos blogs, a vibe que quero manter neste espaço desde que voltei a blogar com regularidade.

Comecei meus dias da semana 46 assistindo a animação Drama Total, na Netflix. É uma série animada de reality show tipo No Limite e A Ilha. Estou gostando bastante. Rende algumas risadas logo cedo.

Ainda na categoria play, comecei a assistir o lançamento super esperado da Netflix, 1899, a série dos mesmos criadores de Dark. Amo séries assim. Me deixo levar pelas teorias. Leio os comentários no TV Time e resenhas em sites especializados. Pura diversão! Aquele momento Nazaré Tedesco total (entenda aqui se você não for especialista em memes). Em 1899, no final do século XIX, os tripulantes de diversas nacionalidades do navio Kerberos estão partindo em busca de uma nova vida na cidade de Nova York. No meio do Oceano Atlântico, eles encontram o navio Prometheus que estava desaparecido há quatro meses. A partir desse encontro, eventos estranhos começam a acontecer. E o resto é puro suspense.

Eu costumo fazer diversas leituras obrigatórias ao longo da semana por conta da vida acadêmica, mas desde setembro estou colocando em prática uma organização para as leituras livres que abraçam temáticas relacionadas a minha formação e também temas que tenho curiosidade. Isso tem movimentado bastante minha lista de leitura.

No momento sigo lendo O sujeito na contemporaneidade: Espaço, dor e desalento na atualidade, de Joel Birman. Acredito que é o primeiro livro com foco em psicanálise que leio. Mas tem sido uma leitura interessante, não muito complexa. O autor tem uma escrita boa e sem tanto academiquês, ou seja, dá para entender bastante coisa (risos).

Durante a semana peguei para ler a revista Claudia de novembro que tem a escritora Conceição Evaristo e a filha Ainá na capa. Acabei encontrando outras matérias interessantes, inclusive uma sobre representatividade negra em produções audiovisuais com a Carissa Vieira, que tem um canal no YouTube muito bom sobre cinema e televisão.

  • Você pode encontrar o livro O sujeito na contemporaneidade e a Revista Claudia no Kindle Unlimited. Confira aqui como assinar e contribua com o blog! 😉

Enfim, no dia 18 de novembro de 2022, retirei meu aparelho ortodôntico. OS DIAS DE SORRISO AO VENTO CHEGARAM! Nossa, só quem já usou aparelho sabe a alegria desse momento. Eu usei aparelho por uns bons anos, acho que 6 ou 8. Meu primeiro tratamento estava errado. E só quando descobri isso é que entendi porque não evoluía de maneira alguma. Durante a pandemia, quando o comércio voltou a abrir, procurei um novo dentista, em Alagoinhas, com a intenção de tirar o aparelho e não continuar mais o tratamento. Mas encontrei uma profissional excelente que me orientou a recomeçar e da maneira adequada ao meu caso. E foi assim que o novo tratamento durou apenas 2 anos. E TÔ AQUI AGORA FELIZ E COM OS DENTES ABERTOS! KKKKK 😀

Bons dias para você! 😉

Espalhe por aí:

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

8 comentários em “Notas da semana 46 de 2022: leituras, séries e mais

    • Aparelho incomoda mesmo. É dolorido e trabalhoso. Mas o resultado é ótimo! Valeu a pena por aqui!

  1. Jeniffer, adoro suas fotos. Parabéns! E o blog está ótimo.
    Arlindo, de Itajubá no Sul de Minas Gerais.
    Um abraço e uma excelente semana!

  2. Eu ainda tenho que usar aparelho, mas sempre que procuro um dentista eles querem me cobrar extremamente caro… O.O huahuahuahuahuahuahua
    Eu também gosto muito de postagens assim da época de ouro do blog, eu mantenho o meu na mesma pegada porque hoje em dia é difícil encontrar postagens como essa e que trazem um ar mais de vida cotidiana para o nosso cantinho.

    Eu também tenho saído da minha zona de conforto de leitura e peguei Literaturas da Floresta, da Lucia de Sá, para ler. Fala um pouco sobre a mitologia dos povos indígenas, e etc.
    E quero muito assistir a essa série 1899.

    Blogger | Pinterest

    • Ah, que maravilha saber que ainda gosta e faz posts assim!

      Sobre o aparelho, eh caro mesmo! Mas pense como um investimento. O resultado vale cada centavo.

      Vou visitar seu blog! Agora não sei porque mas não consigo comentar pelo celular em blogs da plataforma blogger.

      Bjs

  3. eu simplesmente AMO esse tipo de conteúdo, e seus registros são todos muito lindos e aconchegantes…
    essa série é uma que to doida pra ver, mas é muita coisa entre faculdade, trabalho e vida pessoal que acabo atrasando minhas séries sempre.

    amei esse post
    beijosss
    Carol Justo | Justo Eu?!

    • Obrigada, Carol!
      Também amo fazer esses registros. Em 2023 quero trazer mais vezes.
      Bjão

%d blogueiros gostam disto: