Lion – Uma jornada para casa

Um dos filmes cotados ao Oscar 2017 foi o Lion – Uma jornada para casa. O longa recebeu seis indicações ao prêmio e não levou nenhuma. Mas a história do indiano Saroo emociona e merece nosso prestígio.

Baseado na autobiografia Uma longa jornada para casa (Editora Record, 2017), do indiano Saroo Brierley, o filme é dividido em duas partes. A primeira é com Saroo menino, interpretado pelo maravilhoso Sunny Pawar, em que acompanhamos a sobrevivência do garoto às ruas de Calcutá e sua saudade recente de casa e da família, após se perder do irmão mais velho Guddu quando os dois saíram em busca de comida e trabalho.

É uma parte que emociona e enche o espectador de angústia. Ficamos aflitos para saber o que vai acontecer com Saroo e torcendo para que nada de ruim aconteça. Já que o pequeno passa por dias complicados, com frio, fome e sem ninguém, além de ter que fugir de alguns perigos e pessoas mal-intencionadas.

Mas logo após um período turbulento nas ruas, o menino vai morar em um orfanato e é adotado por um casal australiano. Seu novo lar passa a ser a Tasmânia.

E então somos levados a segunda parte do filme, após 25 anos, focada no jovem Saroo, interpretado por Dev Patel (Quem quer ser um milionário?). O garoto se deu bem com a família Brierley – mãe Sue (Nicole Kidman), pai John (David Wenham) – e aproveitou as oportunidades que lhe deram. Mas ao encontrar com alguns indianos na faculdade, o desejo de reencontrar suas origens começa e ele se fecha na sua busca, utilizando principalmente a ferramenta Google Earth e pequenas memórias da infância.

O longa tem seu caráter social, ao colocar em evidência a adoção e a situação das crianças indianas em orfanatos e ruas, ao mesmo tempo que passa uma mensagem sobre a importância da família e do amor no desenvolvimento de um ser humano. E além de nos emocionar e refletir, encanta também com belas imagens da Índia e da Tasmânia.

Lion – Uma jornada para casa parece ser um drama escrito para nos fazer chorar do início ao fim, mas a ficção nesse caso está revivendo a realidade de Saroo. E ao lembrar de que o filme é baseado em fatos reais, ficamos mais emocionados ainda e torcendo para o final feliz.

  • O filme está disponível na Netflix. Veja outras dicas do que assistir por lá, clicando aqui!

Espalhe “Lion – Uma jornada para casa” por aí! 😉

7 Comentários

  1. Vou chorar baldes, se tem algo que me pega é filme com criança, me emociona demais ver os pequenos passando necessidade. Quero ver!
    Blog lindo como sempre! bjo

    • Jeniffer Geraldine Reply

      Somos duas, Thami. Não aguento ver criança sofrer. :/
      O filme é lindo. E prepare-se para chorar mesmo.
      Bjão

    • Jeniffer Geraldine Reply

      Lidy, veja e prepare-se para muita emoção.
      bjão

  2. Eu quero muito ver esse filme! Não sabia que tinha no netflix, vou assistir hoje mesmo. <3

  3. Pingback: Papo de domingo #1

Deixe um comentário:

Navigate