Inspiração para semana 02 de 2021: Paulo Freire

inspiração para semana 02 de 2021 vem do Paulo Freire.

Com a chegada de 2021, percebi, através de publicações nas redes sociais, uma mistura de sentimentos com o ano novo. E por aqui esperançar apitava na mente. Li há bastante tempo o trecho em uma publicação no site Obvious. E por conta dessa lembrança do verbo, fui reler e, realmente, esperançar é o desejo de 2021.

Ainda vivemos uma pandemia, ainda temos um desgoverno, e todas as outras crises. Falar de esperança, ser positivo, parece ser irreal. Vi, inclusive, muitas críticas a quem, de alguma maneira, se sentia grato por 2020. Eu acredito que há lutas individuais e coletivas. Individuais – vencemos medos, barreiras, crenças internas. Coletivas – seguimos na luta por um mundo melhor para todos.

Esperançar é chamado para ação, seja no micro ou no macro. Fazer algo em meio ao caos. Me juntar com quem também é do movimento, com quem não perde a vontade de fazer algo nem que seja um pouco a cada dia.

“É preciso ter esperança, mas ter esperança do verbo esperançar; porque tem gente que tem esperança do verbo esperar. E esperança do verbo esperar não é esperança, é espera. Esperançar é se levantar, esperançar é ir atrás, esperançar é construir, esperançar é não desistir! Esperançar é levar adiante, esperançar é juntar-se com outros para fazer de outro modo…”

Boa semana!

Obs: Li até artigos acadêmicos para achar a referência certa do esperançar, mas não encontrei. Apenas que há relação com o livro “Pedagogia da Esperança”.

Compartilhe:
Escrito por Jeniffer Geraldine
jornalista, criadora de conteúdo, mestranda em crítica cultural