Skip to content →

13 frases do livro O ano da leitura mágica

Os livros permitem que experiências sejam revividas e que lições sejam aprendidas.

 (O ano da leitura mágica – Nina Sankovitch)

Após perder sua irmã, Nina Sankovitch faz a promessa de ler um livro por dia durante um ano. No livro O ano da Leitura mágica, publicado no Brasil pela Editora LeYa, nós acompanhamos esse ano literário, e todos os sentimentos e inquietações gerados pela leitura de títulos como A Elegância do Ouriço, de Muriel Barbery;  Do Que Eu Falo Quando Eu Falo de Corrida, de Haruki Murakami; e O Castelo de Vidro, de Jeannette Walls.
O livro só reforçou a ideia que eu tenho de que ler é terapia. Separei 13 frases bem legais só para vocês entenderem um pouquinho do que foi o ano da leitura mágica da Nina.

Eu usei os livros durante toda a minha vida para obter sabedoria, ajuda e como uma forma de fuga.”

Durante anos, os livros abriram uma janela pela qual eu podia ver como as outras pessoas lidavam com a vida, suas tristezas, alegrias, monotonias e frustrações. Eu os usaria novamente para buscar empatia, orientação, amizade e experiência. Os livros me dariam tudo isso e mais.”

Afinal, nem as pessoas nem a vida são previsíveis.”

A elegância do ouriço me fazia lembrar de Anne-Marie o tempo todo, do começo ao fim. Era como se eu pudesse ouvi-la dizendo: “Sim, Nina, a vida é dura, injusta, dolorosa. Mas também tem toda a garantia – cem por cento, sem dúvida – de propiciar momentos inesperados de beleza, alegria, amor, aceitação e até euforia”. Coisas boas. Nossa capacidade de vê-las e nos apegarmos a esses momentos bons é que nos permite sobreviver e até prosperar. E quando conseguimos compartilhar a beleza, a esperança renasce.”

A beleza está nos momentos que persistem, os momentos que nos dão vida vezes sem fim. Estamos em meio a pilhas de lembranças em desordem. E prosperamos com o alimento que nos é dado pelo passado.”

Porque as palavras são testemunhas da vida: elas registram o que aconteceu e tornam tudo verdade. Palavras criam histórias que se transformam em histórias inesquecíveis. Mesmo a ficção retrata a verdade: boa ficção é a verdade.”

O propósito da grande literatura é revelar o que está escondido e iluminar o que está na escuridão.”

Somos aquilo que gostamos de ler e quando admitimos que adoramos um livro, admitimos que este livro representa verdadeiramente algum aspecto do nosso ser, seja o fato de sermos loucos por romance, ou por aventura, ou secretamente fascinados por crimes.”

Um livro compartilhado era uma fuga na companhia de outrem.”

Meu futuro não é infinito, hoje eu sei disso. Mas minha vida é cheia de possibilidades…”

A ordem é definida por como vivemos nossas vidas. A ordem é criada por como reagimos ao que a vida nos dá. A ordem é encontrada quando se aceita que nem todas as perguntas podem ser respondidas.”

O que fazemos uns para os outros é o que permanece.”

Publicado em Literatura

Um comentário

Deixe um comentário:

%d blogueiros gostam disto: